17 de fevereiro de 2021

RIACHÃO - Hamanenochum


Samba Contemporary
2000
Bitrate: 256 kbps
[cd quality]+

Cantor. Compositor. Ator. Nasceu na rua Língua de Vaca, no bairro de Fazenda Garcia, em Salvador. Trabalhou como alfaiate, contínuo de banco, vendedor de cachorro-quente e por 20 anos trabalhou na Rádio Sociedade da Bahia. O apelido "Riachão" lhe foi dado quando ainda era adolescente: "Eu fazia uma pose de brigão e ganhei a fama de Riachão, termo que os baianos usam para falar de gente difícil". Aos nove anos já se apresentava em festas infantis. A primeira composição foi feita aos 12 anos, um samba sem título, com os versos:   "Eu seu que sou moleque, eu sei / conheço o meu proceder / deixe o dia raiar que a minha turma / é boa para batucar".   Aos 23 anos ingressou na Rádio Sociedade, onde passou a cantar integrando um trio vocal no programa de auditório "Show Pindorama", da emissora de rádio Sociedade AM. No trio interpretava de serestas à toadas sertanejas. Logo depois deixa o trio e segue em carreira solo. Expoente da era de ouro do rádio baiano nas décadas de 1940 e 1950 atuou em duplas sertanejas e em carreira solo. Teve, ainda na década de 1950, gravada suas composições "Meu Patrão", "Saia"  e "Judas Traidor", todas por Jackson do Pandeiro.  Seus sambas irreverentes, tais como "Retrato da Bahia" e "Bochechuda e Papuda", o tornaram ganhador do "Troféu Gonzaga". Mais tarde foi gravado pelo cantor Eraldo Oliveira (‘A Nega não quer Nada’) e pela cantora Marinês (‘Terra Santa’).  Entre 1948 e 1959, Riachão compôs "A Morte do Motorista da Praça da Sé", "A Tartaruga", "Visita da Rainha Elisabeth" e "Incêndio no Mercado Modelo". Na década de 1960 compôs "Umbigada da Baleia" e "A Morte do Alfaiate". Por essa época gravou "Umbigada da Baleia" em disco de 78 rpm. No cinema atuou em alguns filmes, entre eles "A Grande Feira", de Roberto Pires em 1961 e "Pastores da Noite", de Marcel Camus em 1972, baseado na obra do amigo Jorge Amado. Neste mesmo ano Gilberto Gil, no LP "Expresso 2222", gravou uma composição de sua autoria. Ainda em 1972 Caetano e Gilberto Gil gravaram "Cada macaco no seu galho". No ano de 1973, quando ainda trabalhava como office-boy do Banco de Desenvolvimento do Estado da Bahia (Desenbanco), lançou o primeiro LP, "Sonho de malandro", patrocinado pelo banco, onde trabalhava desde o ano de 1971. Riachão teve várias das suas músicas interpretadas por cantores nacionais, uma das mais conhecidas foi Imortal, cantada por Cássia Eller. [Fonte: diconariocravoalbin]

Cantor. Composer. Actor. Born on the street Cow Tongue, the Farm Garcia neighborhood of Salvador. He worked as a tailor, continuous bench, hot dog vendor and for 20 years worked at Radio Bahia Society. The nickname "Riachão" was given to him as a teenager: "I made a tough pose and gained a reputation for Riachão, term Bahian use to talk about difficult people." At age nine he already came in children's parties. The first composition was made at age 12, an untitled samba, with the verse: "I am that your kid, I know / I know my make / let the day dawn that my class / is good for drumming." At 23 he joined the Radio Society, where he started to sing integrating a vocal trio in the game show "Show Pindorama", the radio station Society AM. In the trio played serenades of the hinterland tunes. Soon after leaving the trio and solo follows. Exponent of the era of the Bahia Gold radio in the 1940s and 1950s served in hinterland double and solo. Had, even in the 1950s, recorded his compositions "My Boss", "Exit" and "Judas traitor," all by Jackson do Pandeiro. His irreverent sambas such as "Portrait of Bahia" and "cheeky and Papuda" made him winner of the "Trophy Gonzaga." It was later recorded by singer Eraldo Oliveira ('The Nega not want Nothing') and singer Marinês ('Holy Land'). Between 1948 and 1959, Riachão wrote "The Death of the Cathedral Square of the Driver," "The Turtle", "Visit of Queen Elizabeth" and "Fire in the Market Model". In the 1960s he composed "umbigada Whale" and "The Death of Tailor". By then recorded "umbigada Whale" Disk 78 rpm. In film starred in a few movies, including "The Great Fair", by Roberto Pires in 1961 and "Night Shepherds" by Marcel Camus in 1972, based on the friend Jorge Amado work. That same year Gilberto Gil, the LP "Expresso 2222", recorded a composition of his own. Even in 1972 Caetano and Gilberto Gil recorded "Every jack to his." In 1973, while he was working as an office boy of Bahia State Development Bank (Desenbanco), released the first LP, "trickster's Dream", sponsored by the bank, where he worked since 1971. Riachão had several their songs performed by national singers, one of the best known was immortal, sung by Cassia Eller. [Source: diconariocravoalbin]

Total Time: 60 min

2 comentários: