5 de outubro de 2021

TELEGRAPH AVENUE - Telegraph Avenue


PSYCHEDELIC ROCK
1971
Bitrate: 256 kbps
[cd quality]+

Em meados de 1969, o desenvolvimento de um dos grupos mais interessantes da cena musical: Telegraph Avenue (que tomou seu nome de uma famosa avenida em San Francisco), a única banda de quatro peças que incluiu vocais melódicos que clarificaram sua música, Uma mistura de rock psicodélico com ritmos latinos. Telegraph Avenue foi formada com Bo Ichikawa e Chachi Luján nas guitarras , Alex Nathanson no baixo, e Walo Carrillo na bateria; Todos os membros também tocaram instrumentos adicionais nas gravações da banda. A partir do momento de sua formação, Telegraph Avenue foi completamente dedicada a compor suas próprias canções. Antes de publicar seu primeiro disco, o grupo era conhecido por tocar em festas em Pueblo Libre, a maioria delas sendo formandos. Houve também participações em celebrações para o Club de Leones, o Club Iugoslavo, o Clube Hebraica e o Galaxy Discotheque, incluindo uma vez que a Avenida Telegraph jogou no interior de uma piscina vazia. Um dos concertos mais emocionantes foi na Universidade de Lima, em novembro de 1970, (fotos coloridas na inserção de contar este momento histórico graficamente). O grupo foi convidado para jogar todos os fins de semana, e teve reservas na sexta-feira, sábado e domingo quase todo o ano; Suas reservas de fim de semana foram tão numerosos, eles finalmente tiveram de jogar às quintas-feiras também. Em junho de 1971, a banda publicou seu primeiro disco auto-intitulado (Repsychled CD 1006), que continha oito canções. Este primeiro álbum alcançou grandes vendas durante esse ano, e foi bem reconhecido em todo o Peru. Neste período de tempo compuseram mais de vinte canções, como ¨Feel¨, ¨Hello misses moon¨, ¨People me ver chorando¨, ¨Seeding no vento¨, entre outros que nunca foram gravados. Até o final desse ano, a banda decidiu fazer uma pausa. No final de 1974, eles começaram a trabalhar no estúdio, mas durante a gravação das novas músicas eles incorreram em algumas despesas imprevistas, enquanto Bo gravou o solo de guitarra em ¨Crippled Joe¨ o alto-falante quebrou, e os amigos tiveram que manter o amplificador para O resto da gravação. Depois de semanas de gravação, o segundo álbum da Telegraph Avenue foi publicado no final de fevereiro de 1975. Walo e Bo desenharam a capa que parecia uma carta, mas tinha fotos da banda, retiradas de seus cartões de identidade, onde os selos Seriam normalmente colocados. Pouco depois do lançamento do álbum, a banda se dissolveu. Seu segundo registro logo provaria em um sentido histórico para ser o último álbum publicado do rock peruano na década de 1970 - a ditadura militar essencialmente terminou a cena musical. [Fonte: discogs]

In mid-1969, the development of one of the most interesting groups on the music scene: Telegraph Avenue (which took its name from a famous avenue in San Francisco), the only four piece band that included melodic vocals that clarified their music, A mix Of psychedelic rock with Latin rhythms. Telegraph Avenue was formed with Bo Ichikawa and Chachi Luján on guitars, Alex Nathanson on bass, and Walo Carrillo on drums; All members also played additional instruments on the band's recordings. From the moment of its formation, Telegraph Avenue was completely dedicated to compose its own songs. Before publishing their first album, the group was known for playing parties in Pueblo Libre, most of them being graduates. There were also participation in celebrations for the Lions Club, the Yugoslavian Club, the Hebrew Club and the Galaxy Discotheque, including once Telegraph Avenue played inside an empty pool. One of the most exciting concerts was at the University of Lima in November 1970, (color photos in the insert to tell this historical moment graphically). The group was invited to play every weekend, and had reservations on Friday, Saturday and Sunday almost all year round; Their weekend bookings were so numerous, they finally had to play on Thursdays as well. In June 1971, the band released their first self-titled album (Repsychled CD 1006), which contained eight songs. This first album achieved great sales during that year, and was well recognized throughout Peru. In this period of time they composed more than twenty songs, like ¨Feel¨, ¨Hello misses moon¨, ¨People see me crying, ¨Seeding in the wind¨, among others that never were recorded. By the end of that year, the band decided to take a break. In late 1974, they started working in the studio, but during the recording of the new songs they incurred some unforeseen expenses while Bo recorded the guitar solo on ¨Crippled Joe¨ the speaker broke, and friends had to keep The amplifier for the rest of the recording. After weeks of recording, Telegraph Avenue's second album was published in late February 1975. Walo and Bo designed the cover that looked like a letter but had photos of the band, taken from their identity cards, where the stamps would normally be Placed. Shortly after the release of the album, the band dissolved. His second record would soon prove in a historical sense to be the last published album of Peruvian rock in the 1970s - the military dictatorship essentially ended the music scene. [Source: discogs]

Total Time: 35 min

Um comentário: