28 de setembro de 2020

ED MOTTA - Ed Motta & Conexão Japeri


Soul
1992
Bitrate: 256 kbps
[cd quality]+

Carioca, desde pequeno ouvia música soul e funk, inclinando-se mais tarde para o rock, de que tornou-se profundo conhecedor na época. Participou como vocalista da banda Kabbalah, de hard rock, com influências de Deep Purple, Black Sabbath e outras bandas dos anos 70. Ainda na adolescência abandona os estudos para dedicar-se à música, agora fascinado pela música negra. Foi DJ e escreveu um fanzine sobre o assunto, até conhecer, em meados dos anos 80, o guitarrista Comprido, com quem mais tarde formou o Conexão Japeri, e gravou o primeiro disco, em 1988. Daí vieram os primeiros sucessos nacionais, "Vamos Dançar" e "Manuel". Logo em seguida desligou-se do grupo e partiu para a carreira solo, em que pôde desenvolver seu próprio estilo, ligado à musicalidade dos sons produzidos pela voz, mesmo sem letras, fugindo do que considera "a ditadura da letra" na música. Em 1990 morou em Nova York por um ano e lá gravou um disco com músicos americanos. Descobriu os universos da MPB e da música erudita, o acabou se refletindo na sua concepção musical. De volta ao Brasil, compôs algumas músicas em parceria com Aldir Blanc, compôs a trilha do filme "Pequeno Dicionário Amoroso" e excursionou pelo exterior. Em 1997 lançou o CD "Manual Prático para Festas, Bailes e Afins, Vol. 1", com repertório dançante, mas não se desvinculou de seu compromisso com o jazz e a música tradicional brasileira, apresentando em 2000 o show "Músicas Antigas e Algumas Inéditas". No começo do ano 2002, lança "Dwitza", o trabalho mais jazzy e introspectivo de sua carreira, diversificando como poucos sua produção musical. Em 2005, Ed Motta lança “Aystelum” no qual o artista mantém sua marca registrada: experimentação de estilos e a sofisticação harmônica. "Samba Azul", "Awunism" e "Canção em Torno Dele" são alguns dos destaques. Ed Motta se afirma de vez como um dos músicos mais criativos em atividade no Brasil. [Fonte: cliquemusic]

Carioca , from small listening soul and funk music, leaning to the rock later , that became a connoisseur at the time. Acted as lead singer of the band Kabbalah , hard rock , with influences from Deep Purple , Black Sabbath and other bands of the '70s. Still a teenager abandons his studies to devote himself to music, now fascinated by black music . DJ was and wrote a fanzine about it until I met in the mid-80s , the Long guitarist, who later formed the connection Japeri , and recorded their first album in 1988 . Then came the first national hit , " Let's Dance " and " Manuel " . Soon after, he hung himself from the group and left for a solo career in which he could develop his own style on the musicality of the sounds produced by the voice , even without lyrics, which considers fleeing " the dictatorship of the letter" in music . In 1990 lived in New York for a year and there he recorded an album with American musicians . Discovered the worlds of MPB and classical music, was reflected in his musical conception . Back in Brazil , he wrote some songs together with Anja Blanc , composed the score for the film " Little Book of Love " and toured overseas. In 1997 released the CD " Practical Handbook for Parties , Balls and Allies , Vol 1 " , with danceable repertoire , but was separated from his commitment to jazz and traditional Brazilian music, presenting the show in 2000 " Old Songs and Some Unpublished " . In early 2002 , launches " Dwitza " the more jazzy and introspective work of his career , just as diversifying its musical production. In 2005 , Ed Motta launches " Aystelum " in which the artist keeps his trademark experimentation with styles and harmonic sophistication. " Blue Samba " , " Awunism " and " Song Around Him " are some of the highlights . Ed Motta stated the time as one of the most creative musicians in activity in Brazil . [ Source : ABM ]

Total Time: 33 min

Um comentário: