10 de julho de 2020

RAZÃO BRASILEIRA - Entre o Amor e a Razão


Pagode
1996
Bitrate: 256 kbps
[cd quality]+

Grupo de pagode formado por Paulinho Razão (cavaco, violão e voz), Bira Razão (pandeiro, sax e voz), Beto (surdo), Jorge (bateria), Zé Carlos (baixo) e Moysés (teclados) em 1981. O primeiro sucesso ocorreu apenas em 1993, com o lançamento do primeiro disco, "Razão Brasileira". A música "Eu menti" (Pedrinho da Flor e Adalto Magalha) foi o sucesso do ano, ficando mais de seis meses nas paradas. Com o disco "O segundo", o grupo fez sucesso com a música "Medo" (Pedrinho da Flor e Adalto Magalha). Seguiriam então mais três discos, "A cara do Brasil", em 1995, 'Entre o amor e a razão", em 1996, e uma coletânea de sucessos chamada "Preferência nacional", de 1997. O grupo viveu no Japão por dois anos e excursionou várias vezes pela América do Sul, tendo se apresentado na África, Coréia, China, EUA e Inglaterra (para a Princesa Diana numa casa noturna em Londres). O Razão Brasileira fez o vôo inaugural da Varig para os Emirados Árabes e ganhou vários títulos e prêmios, como o de "Bacharel do Samba", organizado por uma empresa norte-americana e realizado no Scala de Miami. O sexto disco, "Volta", retomou sucessos com novos arranjos e releituras. Neste disco, constam as composições "Telefone" ( Pedrinho da Flor e Adalto Magalha), "Naturalmente" (Vilanova) e "Tô carente", de autoria de Rodrigues e Binho. Ainda nesse disco, o grupo regravou antigos sucessos: "Deixa chover" (Gulherme Arantes), "Pra que vou recordar o que chorei" (Carlos Dafé), "Eu menti" e "Medo", ambas de Pedrinho da Flor e Adalto Magalha. Foi o primeiro grupo de pagode a conquistar um Disco de Ouro fora do Brasil, entre outros de Ouro e Platina duplo, ganhos no Brasil e na América do Sul. Em 2007, já com outra formação que também incluia Álvaro Motta (contra-baixo), Paulo César (bateria), Ricardo Teixeira (teclado e violão) e Jalmir Talismã (percussão e voz), o grupo comemorou 25 anos de carreira lançando o CD "Razão Brasileira 25 anos", do qual se destacaram vários sucessos de carreira da banda, entre eles "Sem você não consigo viver", "Eu menti", "Naturalmente", "Telefone", "Novo tempos" e ainda "Medo", com participação especial do grupo Fundo de Quintal e também "Solidão", no qual contou com a participação de Peri Ribeiro. No disco também foi incluída a regravação do clássico "Acontece", de Cartola. Entre os artistas que o grupo acompanhou dstacam-se Jovelina Pérola Negra e Almir Guinéto. O grupo já vendeu mais de dois milhões de discos durante a carreira, nos quais apresentou-se em diversos programas de televisão, eles eles "Domingão do Faustão", "Silvio Santos", "Jô Soares Onze e Meia", "Gugu Liberato", "Hebe Camargo", "Xuxa" e "Fantástico". O grupo fez turnê pelo Japão, Europa, África, Coréia, China e Estados Unidos. [Fonte: dicionariompb]

Pagoda group of Paulinho ratio (chip, guitar and voice), Bira ratio (tambourine, sax and vocals), Beto (deaf), Jorge (drums), Ze Carlos (bass) and Moses (keyboards) in 1981. The first success came only in 1993 with the release of the first album, "Brazilian Reason". The song "I lied" (Pedrinho flower and Adalto Magalhães) was the hit of the year, getting more than six months on the charts. With the album "The second," the group enjoyed success with the song "Fear" (Pedrinho flower and Adalto Magalhães). Then follow three discs, "The face of Brazil" in 1995, 'Between love and reason "in 1996, and a hits collection called" national preference "in 1997. The group lived in Japan for two years and toured several times in South America, having performed in Africa, Korea, China, USA and England (to Princess Diana in a nightclub in London). The Brazilian Reason made the maiden flight of Varig to the United Arab Emirates and won several honors and awards, such as "Samba Bachelor", organized by a US company and held at Scala Miami. The sixth album, "Volta", resumed hits with new arrangements and readings. On this record, contains the compositions " phone "(Pedrinho flower and Adalto Magalhães)," Naturally "(Vilanova) and" lacking Tô. ", authored by Rodrigues and Binho yet this album, the group re-recorded old hits:" Let it rain "(Gulherme Arantes)," Why would I remember that I cried "(Carlos Dafé)," I lied "and" Fear, "both of Pedrinho flower and Adalto Magalhães. Pagoda was the first group to win a Gold Disc outside Brazil, among others Gold and double Platinum, gains in Brazil and South America. In 2007, already with another formation that also included Álvaro Motta (bass) Paulo César (drums), Ricardo Teixeira (keyboard and guitar) and Jalmir Talisman (percussion and vocals), the group celebrated 25 year career releasing the CD "Brazilian Reason 25 years," which stood out many career successes of the band , including "No you can not live", "I lied," "Of course", "Telephone", "New Times" and even "Fear" with special guest Fundo de Quintal group and also "Solitude" in which with the participation of Peri Ribeiro. The disc was also included rewriting the classic "It happens," topper. Among the artists who accompanied the group to dstacam-Jovelina Black Pearl and Almir Guineto. The group has sold over two million records during a career in which he performed in many television programs, they they "Domingão Faustão", "Silvio Santos", "Jô Soares Onze e Meia", "Gugu Liberato" "Hebe Camargo", "Xuxa" and "Fantastic". The group has toured Japan, Europe, Africa, Korea, China and the United States. [Source: dicionariompb]

Total Time: 46 min

Um comentário: