30 de janeiro de 2012

MARIA RITA - Elo


MPB
2011
Bitrate 256 kbps
[cd quality]

Maria Rita começou a cantar profissionalmente aos 24 anos.  Filha de Elis Regina e Cesar Camargo Mariano, de tanto dizerem que ela precisava cantar, Maria Rita resistiu durante algum tempo. Após escolher a hora certa, ela não pode queixar-se dos resultados que alcançou. Aliás, ninguém pode reclamar dos resultados alcançados por Maria Rita. Antes mesmo de lançar um CD foi a vencedora do Prêmio APCA de 2002, como Revelação do ano. Seu primeiro disco, “Maria Rita”, lançado em setembro de 2003, vendeu mais de 1 milhão de cópias em todo o mundo. O primeiro DVD, que traz o mesmo título e foi para as lojas na primeira semana de novembro daquele ano, chegou à marca de 180 mil cópias. Ambos foram lançados em mais de 30 países, incluindo Alemanha, Argentina, Áustria, Bélgica, Canadá, Chile, Colômbia, Dinamarca, Equador, Finlândia, França, Inglaterra, Itália, Japão, Coréia, República Tcheca, México, Holanda, Noruega, Portugal, Suécia, Suíça, Taiwan e Venezuela. Os números referentes à jovem cantora são sempre impressionantes. Maria Rita alcançou, no Brasil (um mercado tido como em crise, ameaçado pela pirataria), Disco de Platina Triplo e DVD de Diamante; em Portugal, CD de Platina. Também, pudera, foram 160 shows completamente lotados ao longo de 18 meses. O reconhecimento foi de público e de crítica. Maria Rita venceu prêmios importantíssimos em 2004: Grammy Latino nas categorias “Revelação do Ano”, “Melhor Álbum de MPB” e “Melhor Canção em Português” (“A Festa”); Prêmio Faz a Diferença (oferecido pelo jornal “O Globo”); o troféu da categoria “Melhor Cantora” do Premio Multishow e os do Prêmio Tim nas categorias “Revelação” e “Escolha do Público”. Do primerio CD dela, foram trabalhadas as músicas “A festa”, “Cara valente”, “Encontros e despedidas” (que foi tema da novela “Senhora do Destino”, da Rede Globo) e “Menininha do portão”. Em setembro de 2005, lança o cd “Segundo”. O primeiro single foi “Caminho Das Águas”. Juntamente com a pré-venda do CD em lojas online, foi feita a venda digital do single “Caminho das Águas”. Neste último caso, uma novidade no mercado brasileiro de discos, foram tantos downloads que houve congestionamento já na data de lançamento. Todo mundo queria ter Maria Rita gravada no computador. E não é para menos. O novo CD rendeu à cantora uma extensa turnê no Brasil, participações especiais em diversos CDs nacionais (“Forró Pras Crianças” e “100 Anos de Frevo”), shows nacionais (Arlindo Cruz, O Rappa, Os Paralamas Do Sucesso, Gilberto Gil e Mart’nália) e internacionais (Jamie Cullum, Mercedes Sosa e Jorge Drexler). O sucesso mundial de “Segundo” lhe rendeu, em 2006, mais dois Grammys Latinos – “Melhor Álbum de MPB” e “Melhor Canção Brasileira” com “Caminho das Águas”, de Rodrigo Maranhão – e mais de 50 apresentações no exterior com sucesso absoluto de público e crítica no Montreux Jazz Festival, North Sea Jazz Festival, Irving Plaza (Nova Iorque), San Francisco Jazz Festival, dentre outros. No dia 14 de setembro de 2007, Maria Rita lançou seu terceiro disco, “Samba Meu”, produzido por Leandro Sapucahy e co-produzido pela própria cantora. O álbum teve lançamento simultâneo nos Estados Unidos, América Latina, México, Portugal, Israel e Reino Unido. Em abril de 2008, a ABPD concedeu o Disco de Platina a “Samba Meu”, pelas mais de 125 mil cópias vendidas do CD. O álbum também ganhou o prêmio de “Melhor Disco” no 15º Prêmio Multishow de Música Brasileira. [Fonte: lastfm]

Maria Rita began singing professionally at age 24. Daughter of Elis Regina and Cesar Camargo Mariano, so much saying she needed to sing, Maria Rita resisted for a while. After choosing the right time, it can not complain about the results it has achieved. In fact, no one can claim the results achieved by Maria Rita. Even before launching a CD won the APCA Prize in 2002 as Revelation of the Year. His first album, "Maria Rita", launched in September 2003, sold over 1 million copies worldwide. The first DVD, with the same title and went to the shops in the first week of November of that year, sold 180 million copies mark. Both were launched in more than 30 countries, including Argentina, Austria, Belgium, Canada, Chile, Colombia, Denmark, Ecuador, Finland, France, England, Italy, Japan, Korea, Czech Republic, Mexico, Netherlands, Norway, Portugal , Sweden, Switzerland, Taiwan and Venezuela. Figures for the young singer are always impressive. Maria Rita reached, in Brazil (a market considered to be in crisis, threatened by piracy), Triple Platinum Disc and Diamond DVD; in Portugal, Platinum CD. Also, could, 160 shows were fully booked over 18 months. The recognition was public and criticism. Maria Rita won very important awards in 2004: Latin Grammy in the "Breakthrough of the Year", "Best MPB Album" and "Best Song in Portuguese" ("The Feast"); Makes a Difference Award (offered by the newspaper "O Globo"); the trophy in the category "Best Female" Multishow Award and Tim Award in the "Revelation" and "People's Choice". The first larval her CD, the songs were worked "The party", "brave face", "Meetings and farewells" (which was the subject of the soap opera "Senhora do Destino", Rede Globo) and "Little girl of the gate." In September 2005, launches the CD "Second". The first single was "Way Of Water". Along with the pre-sales of CD in online stores, it was made the single digital sale "Path of the Waters". In the latter case, a novelty in the Brazilian discs were so many downloads there was congestion already on the launch date. Everyone wanted to have Maria Rita recorded on the computer. And no less. The new CD earned the singer an extensive tour in Brazil, appearances on several national CDs ("Forro Pras Children" and "100 Years of Frevo"), national shows (Arlindo Cruz, O Rappa, The Paralamas do Sucesso, Gilberto Gil and Mart'nália) and international (Jamie Cullum, Mercedes Sosa and Jorge Drexler). The worldwide success of "Second" earned him, in 2006, two more Grammys Latinos - "Best MPB Album" and "Best Brazilian Song" with "Path of the Waters" by Rodrigo Maranhão - and more than 50 overseas successfully Absolute audience and critics at the Montreux Jazz Festival, North Sea Jazz Festival, Irving Plaza (New York), San Francisco Jazz Festival, among others. On September 14, 2007, Maria Rita launched her third album, "Samba Meu", produced by Leandro Sapucahy and co-produced by the singer. The album had simultaneous release in the United States, Latin America, Mexico, Portugal, Israel and the UK. In April 2008, the ABPD awarded the Platinum Disc to "Samba Meu", by over 125 000 copies sold the CD. The album also won the award for "Best Album" at the 15th Multishow Prize for Brazilian Music. [Source: lastfm]

Total Time: 40 min